I OPEN DE PLASTIMODELISMO DE NATAL PARTE II

 

Amigos,

Mais um grande evento, onde foi destacado o encontro de vários Modelistas do nosso nordeste!

Foi muito bom ver os mestres reunidos:

  • Tio Marcão
  • Jorge Miguel
  • Alvarenga
  • Bob Lúcio

Entre outros que deram muito de suas vidas e agora se encontram para mostrar o exemplo dedicação e valor único no nosso amado hobby.

É reconhecido o esforço da equipe que planejou, montou e executou o evento, mas em uma forma construtiva temos pontos a destacar:

Local do evento:

Sua posição geográfica e a cidade não há como discordar que foi muito boa escolha, mas o salão eventos foi muito pequeno o que levou a dificultar até a exposição dos kits apresentados. Esta forma também afeta o julgamento.

INSCRIÇÃO:

De uma forma geral listar cada kit, foi demorado e desnecessário. Uma forma bem simples e que foi bem adotada no evento do GPFOR (III OPEN DE PLASTIMODELISMO) onde em blocos carbonados passam para duas vias.

PALESTRAS:

Só um comentário: excelentes.

CRITÉRIO DE CATEGORIAS E JULGAMENTO:

                Nas categorias onde um grupo que não conhece ou domina, simplesmente não foca ou mesmo, solicita apoio ou ajuda. Caem nesta falha.

Neste caso posso descrever com mais detalhes sobre a CATEGORIA DE FICÇÃO.

Um ponto apontar, se não há o posicionamento deste que escreve em um FORUM oficial de PLASTIMODELISMO, NÃO TERIA O MELHOR DA CATEGORIA (que inclusive não está descrito do regulamento oficial)  http://www.fundacaorampa.com.br/open.htm.

Outro está destacado que teríamos  “split” nas categorias ( item 6.2. Categoria split – no regulamento oficial ) o que não ocorreu com esta categoria citada. ‘

Foram julgados de forma sem  critério ou mesmo com certa limitação de conhecimento, pois misturam os itens que não poderiam (sem “split”) serem julgados entre si.  Para melhor  exemplificar: é colocar numa mesma linha de julgamento (ou numa mesma e única categoria), auto, moto, aviação civil, militar e naval!

Não estamos aqui questionando a premiação em si, mas infelizmente a falta de um critério técnico e maduro.

Estavam presentes membros de outros grupos que possuem  mais experiência em eventos como GPFOR e  APPE  que com toda certeza apoiariam e orientariam com todo o critério e conhecimento sem a necessidade de participar do julgamento.

Cada evento é reconhecido o aprendizado. Temos  membros de nossos grupos que comentam as vantagens de um evento sem premiações, mas o principal critério de credibilidade é a forma que ocorrem os julgamentos e premiações.  Se este não possui organização, critério, conhecimento e maturidade não são reconhecidos e respeitados.

Esperamos muito  que O  JG 400  evolua em seu processo de eventos e participações.

Muito obrigado,até o ano que vem!

GIOVANE “GIGGIO” ARAUJO.

MAIS FOTOS !!!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: